Games Sociais Grátis Principal Atividade de Usuários de Redes Sociais

 

Não é de hoje que os jogos sociais, ou social games, tomaram a atenção dos usuários de redes sociais. Começaram a fazer barulho em 2009 e desde então o crescimento é impressionante. Segundo pesquisa realizada pela empresa ComScore, há 73 milhões e 32 milhões de usuários únicos por mês no Facebook e Orkut, respectivamente, e 50% deles entram nos jogos disponíveis gratuitamente nas redes.

A Zynga é a líder mundial do segmento, com mais de 290 milhões de usuários ativos por mês. Ela é a desenvolvedora do game FarmVille, o mais acessado do Facebook, com cerca de 80 milhões de jogadores por mês, no qual é preciso cuidar de uma fazenda online.


A empresa detém diversos outros títulos de sucesso na rede, como CityVille e Mafia Wars, e já expandiu seus domínios a plataformas como iPad e iPhone.

Na América Latina, o nome a ser lembrado é o da Mentez, que faz a distribuição de games sociais. Ela é a líder no Orkut, administrando três dos cinco jogos mais populares da rede social, que ainda é a maior do Brasil. São 22 milhões de usuários ativos por mês que transitam nas aplicações e jogos da empresa, entre eles Colheita Feliz, Vila Mágica e Guerra Tribal.

Os games sociais atraem pela facilidade de acesso e pela interação, e apesar de serem gratuitos, o lucro obtido é imenso. O modelo de negócios das empresas baseia-se na venda de itens online. Os jogos possuem acessórios que são disponibilizados apenas em troca de uma quantia em dinheiro (o que não torna a compra obrigatória, é possível jogar sem gastar nem um centavo). A venda de bens virtuais gera um mercado de cerca de US$ 1,6 bilhão por ano.

Hoje, até o e-mail ficou para trás. Segundo o instituto de pesquisa Nielsen, os jogos sociais já são a segunda atividade mais popular na internet nos Estados Unidos. E você, já tem uma fazenda online para cuidar?


Leave a Reply